Corner Left

Receba as principais notícias do Glorioso 1904 no seu WhatsApp!

WhatsApp Seguir

Futebol

JORGE JESUS ANALISA PRÓXIMO ENCONTRO A CAMINHO DO GUINNESS BOOK! EX TÉCNICO DO BENFICA VOLTA AENFRENTAR ADVERSÁRIO DE PESO

Al Hilal segue com 25 vitórias consecutivas e precisa de mais três para bater o recorde

Jorge Jesus
Jorge Jesus

  |

Icon Comentário0

Jorge Jesus, antigo técnico do Benfica e atual treinador do Al Hilal, pode estar muito perto de bater o recorde de mais vitórias consecutivas no desporto rei. O português segue com 25 e vai enfrentar o Al-Ittihad, na Liga dos Campeões asiática, na 26.ª partida, justamente a equipa que venceu na sexta-feira, dia 1 de março, por 3-1.

O técnico português esteve presente na conferência de antevisão ao duelo, onde analisou o oponente: "Vamos defrontar o mesmo adversário, mas numa competição diferente. A partida não será decisiva [sendo primeira mão dos 'quartos'], mas queremos estar ao melhor nível possível. Só há uma forma de conseguirmos mais e mais, é focarmo-nos no nosso trabalho".

"A nossa estratégia em torno dos aspetos táticos e técnicos é atualizada ao longo do tempo e isso deve-se às qualidades dos jogadores que temos. Estrangeiros? Os cinco nomes convocados vão ser conhecidos após o treino", terminou o técnico luso.

O registo atual de vitórias coloca o Al Hilal na disputa pelo recorde de maior sequência vitoriosa do futebol. Para chegar ao livro do Guinness, Jorge Jesus precisa de vencer mais três encontros, ultrapassando o Ajax (25 vitórias em 1955), novamente o Ajax (26 vitórias em 1971/1972) e o The New Saints (27 vitórias em 2016).

Ao serviço do Benfica, onde Jorge Jesus esteve desde 2009 até 2015 e novamente entre 2020 e 2021, o técnico conquistou três Campeonatos Nacionais, uma Taça de Portugal, cinco Taças da Liga e uma Supertaça Cândido de Oliveira.


Confira o resumo do último Al Hilal contra Al Ittihad:




Futebol

Após vitória do Benfica, antigo comentador da BTV 'rasga' Rui Costa e Roger Schmidt

João Diogo Manteigas, advogado, falou sobre a renovação de contrato do treinador alemão

Após vitória do Benfica, antigo comentador da BTV 'rasga' Rui Costa e Roger Schmidt
Após vitória do Benfica, antigo comentador da BTV 'rasga' Rui Costa e Roger Schmidt

  |

Icon Comentário0

Depois do duelo do Benfica frente ao Moreirense, onde as águias ganharam, por três bolas a zero, no passado domingo, contudo, João Diogo Manteigas, conhecido comentador, no artigo de opinião publicado no jornal A Bola, não mostra estar contente com o desempenho de Roger Schmidt. O advogado aproveitou, inclusive, para apontar o dedo a Rui Costa, que renovou com o técnico alemão sem que "nada estivesse ganho". 

"Na verdade, desde que Schmidt aterrou em Portugal, a única grande surpresa foi somente a sua renovação no dia 31 de Março de 2023. Ou seja, Rui Costa só pode ser um homem de fé pois recusou aguardar pela experiência do alemão em Portugal para depois refletir, avaliar e decidir. Optou por renovar quando nada estava ganho, as duas taças nacionais já tinham ido à vida e apenas bem encaminhado a conquista da I Liga e uma difícil Champions que teve o seu auge na fase inicial de grupos", afirmou o advogado, que era um antigo comentador da BTV.  


"A renovação de Schmidt fê-lo estender a sua ligação contratual até junho de 2026 e catapultar a sua conta bancária para mais um milhão de salário líquido por ano. E isto, relembro, sem que houvessem provas dadas lá fora no seu passado, quanto mais apostar o seu futuro em Portugal. O mais engraçado (mas que, na realidade, não tem piada nenhuma) é que o alemão fez com que as pessoas, do dia para a noite, o parassem de elogiar para passarem a criticar", referiu.


"Como se não tivesse bastado assistir, há uns meses atrás, ao seu discurso a criticar sócios e adeptos e a apelar para que estes ficassem em casa se não gostarem da sua gestão repetida, eis que agora decide reiterar a sua falta de noção em relação à exigência benfiquista e respetivo tribunal da Luz que só foi capaz de atestar com o seu treinador- adjunto (deduzo ser Javi García) e o diretor técnico Luisão, este último que foi pródigo enquanto jogador em fazer sair todas as épocas nos media que os melhores clubes da Europa o assediavam para, na realidade, poder melhorar o seu contrato de trabalho substancialmente", reiterou João Diogo Manteigas. 

"Schmidt acredita mesmo que não lhe devem assacar responsabilidades com o ordenado que recebe, independentemente de a sua equipa ganha? E quando a mesma é humilhada por um clube falido desportivamente esta época, em convulsão social e que vai ser alvo de controlo pela UEFA devido ao buraco financeiro que apresenta nas contas? Schmidt também merece os euros que ganha? A gestão da SAD deve ser criteriosa no que respeita às contratações de todo o tipo de humanos, sejam eles treinadores, atletas ou até quadros de pessoal para uma qualquer sua área interna", disse.


"E no caso da Benfica SAD, há que reduzir brutalmente os custos e canalizar obrigatoriamente determinada percentagem da venda de jogadores para o abate da dívida que é enorme. Esta SAD dá a entender que só vende jogadores para financiar a sua operação corrente pois a dívida bancária ronda os 200 milhões e a obrigacionista é maior. Isto, meus caros, é um círculo vicioso e empurrar com a barriga não é solução pois a dívida praticamente não mexe e tem subido tal como os ativos para aumentar os capitais próprios positivos. Mas, pergunta-se, todos acreditam no valor oscilante do ativo atual declarado pelo Benfica?", concluiu, deixando a questão. 


Futebol

Antiga promessa do Benfica viveu noite de sonho, mas deixa revelação: "Para ser sincero..."

Futebolista que representou o emblema da Luz esteve em conferência de imprensa de antevisão a duelo da prova milionária

Antiga promessa do Benfica viveu noite de sonho, mas deixa revelação: "Para ser sincero..."
Antiga promessa do Benfica viveu noite de sonho, mas deixa revelação: "Para ser sincero..."

  |

Icon Comentário0

Bernardo Silva, médio do Manchester City, deu, esta terça-feira, o pontapé de saída da partida da segunda mão dos quartos-de-final da Liga dos Campeões frente ao Real Madrid. Entre muitas temáticas, o ex-jogador do Benfica revelou que nunca mais reviu o duelo diante dos merengues da temporada transata, onde os citizens derrotaram os espanhóis por 4-0 com dois golos do internacional português. 

"Para ser sincero, não voltei a ver esse jogo. Só tenho a sensação do que fizemos em campo. No futebol nunca acontece o mesmo duas vezes. Certamente, o Real Madrid vai querer a desforra", começou por assumir o pupilo de Pep Guardiola que marcou na primeira mão da atual eliminatória.


“Eu e todo o plantel do Manchester City temos o máximo respeito por tudo o que o Real Madrid conseguiu na história. É uma equipa muito perigosa porque joga de uma forma muito diferente da nossa", disse ainda o futebolista, que fez grande parte da sua formação como atleta no Benfica.


"Sentes que tens o controlo do jogo e de repente o Real Madrid marca dois golos. É a equipa que mais vezes ganhou esta competição. Temos muito respeito por eles. Jogamos em casa e estamos muito confiantes mas com o máximo respeito", concluiu ainda o médio.

Bernardo Silva - avaliado em 80 milhões de euros - leva 40 encontros nas pernas ao serviço dos cityzens em 2023/2024, onde marcou 11 golos e efetuou cinco assistências. Na época passada realizou 55 jogos, onde fez sete tentos e seis passes para golo.


Pelo Glorioso, onde atuou com o Manto Sagrado desde 2002 a 2014, o médio marcou presença em três partidas, atuando na formação principal das águias. No que toca à equipa B, o futebolista alinhou em 38 embates, apontando sete golos.

O Manchester United e Real Madrid medem, esta quarta-feira, forças, para a segunda mão dos quartos de final da Liga dos Campeões. Recorde-se que, no primeiro duelo, as duas turmas empataram a três bolas, pelo que a eliminatória se encontra totalmente em aberto.


Futebol

Imprensa saudita já confirma renovação de Jorge Jesus, mas o técnico ex Benfica ainda não assinou nada

Treinador português só discute números mais tarde mas árabes já lançam foguetes

Jorge Jesus domina a Arábia Saudita
Jorge Jesus domina a Arábia Saudita

  |

Icon Comentário0

Com uma época que excede todas as expectativas possíveis, os dirigentes do Al-Hilal querem a todo o custo 'prender' Jorge Jesus no clube. Os representantes do antigo treinador do Benfica devem sentar-se a discutir a renovação de contrato após a Liga dos Campeões Asiáticos.

O Al-Hilal domina a Arábia Saudita. Não só são o líder isolado do campeonato com mais 12 pontos de vantagem relativamente ao Al Nassr de Cristiano Ronaldo como venceram recentemente a Supertaça saudita, estão nas semi-finais da Taça do Rei e somam 34 jogos de seguida a vencer, um recorde do guinness. 

É lógico que os árabes estejam a salivar para segurar o timoneiro português, Na Arábia Saudita já saíram notícias que dão conta de que o acordo está alinhado, para mais dois anos de ligação mas segundo o jornal A BOLA, a perspetiva é aguardar pelo menos pelas meias finais da prova continental supramencionada.


Por enquanto, Jesus tem contrato válido apenas até Junho mas sente-se feliz na Arábia e só resta saber o que o Al Hilal, através do fundo soberano que controla os principais emblemas sauditas, terá para oferecer ao treinador português. O mais provável é mesmo a renovação. 


Ao serviço do Benfica, onde Jorge Jesus esteve desde 2009 até 2015 e novamente entre 2020 e 2021, o técnico conquistou três Campeonatos Nacionais, uma Taça de Portugal, cinco Taças da Liga e uma Supertaça Cândido de Oliveira. Pelo Al-Hilal, já soma 42 triunfos em 48 partidas. 


envelope SUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Ex colega de João Félix perde as estribeiras com adeptos do Atlético Madrid: "Idiotas como vocês"
Futebol

Ex colega de João Félix perde as estribeiras com adeptos do Atlético Madrid: "Idiotas como vocês"

 

Icon Comentário0
Grimaldo fez história na Alemanha e até antigo Sporting felicitou ex Benfica: “Que bom..."
Futebol

Grimaldo fez história na Alemanha e até antigo Sporting felicitou ex Benfica: “Que bom..."

 

Icon Comentário0
João Neves abre o coração e fala sobre partida do Benfica que sucedeu morte da mãe
Futebol

João Neves abre o coração e fala sobre partida do Benfica que sucedeu morte da mãe

 

Icon Comentário0