Corner Left

Receba as principais notícias do Glorioso 1904 no seu WhatsApp!

WhatsApp Seguir

Futebol

ALERTA VERMELHO! BENFICA CONHECE ÁRBITRO PARA PARTIDA DIANTE DO PORTIMONENSE, QUE NÃO TRAZ BOAS RECORDAÇÕES

Águias vão receber os algarvios no Estádio da Luz, no próximo domingo, dia 25 de fevereiro

Equipa
Equipa

  |

Icon Comentário0

O Benfica ficou a saber, através do Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, que Miguel Nogueira é o árbitro escolhido para ajuizar a partida diante do Portimonense, válida para a 23.ª jornada da Liga Portugal Betclic.

Este é o segundo encontro das águias onde o árbitro da AF de Lisboa está presente, depois de arbitrar o empate entre o Glorioso e o Farense, no Estádio da Luz, no passado mês de dezembro, num encontro a contar para a 13.ª jornada da Liga Portugal Betclic.

Miguel Nogueira vai contar com a presença de Francisco Pereira e Nuno Pires enquanto árbitros assistentes e Flávio Duarte no papel de quarto árbitro. O VAR vai ser liderado por Cláudio Pereira, que contará com o auxílio de Tiago Costa como AVAR.


Nos encontros dos rivais, a partida entre o Porto e o Gil Vicente vai contar com a arbitragem de Fábio Veríssimo e terá Hélder Malheiro como VAR, enquanto o duelo entre Sporting e Rio Ave vai ser ajuizado por André Narciso e possuir António Nobre no VAR. 


A equipa de Roger Schmidt volta a entrar em campo esta quinta-feira, dia 22 de fevereiro, para defrontar o Toulouse na 2.ª mão do play off da Liga Europa. O encontro, que tem Maurizio Mariani como árbitro eleito, será disputado em França e tem arranque marcado para as 17h45.


Futebol

Ex dirigente do Benfica faz 'mira' a jogo com Marselha da Liga Europa: "Não salva a época..."

Com o campeonato em posição difícil, os encarnados tem as atenções no encontro desta quinta-feira com a turma francesa

Antigo dirigente do Benfica deixa 'aviso' sobre duelo com Marselha
Antigo dirigente do Benfica deixa 'aviso' sobre duelo com Marselha

  |

Icon Comentário0

O Benfica defronta o Marselha esta quinta-feira para tentar garantir a presença na meia final da Liga Europa, feito que, segundo Braz Frade, antigo vice-presidente do Clube da Luz, não 'salva' a época, mas a eventual conquista da competição, por outro lado, já faz o ex-dirigente pensar mais positivo.

"Este jogo não salva a época só por si, mas ainda pode vir a salvar em caso de sucesso e ajudar ao prestígio internacional do Benfica. Uma época salva num clube grande como o Benfica começa sempre pela conquista do título e isso já não irá acontecer", começou por dizer em declarações ao jornal Record.


"Ou seja, este jogo pode ajudar a nossa época a ficar um bocadinho melhor porque mantém a esperança do Benfica ganhar uma Liga Europa o que, a acontecer, seria obviamente algo importante e aí sim, já salvaria de alguma forma a temporada", apontou o antigo vice-presidente do Glorioso.


Quanto ao jogo em si, Braz Frade acredita num jogo ofensivo: "O Benfica tem de jogar para ganhar como fez na Luz e só assim pode de alguma maneira controlar a vantagem que tem neste momento. Todos sabemos que não é fácil jogar em Marselha, o ambiente vai ser muito adverso, mas se a equipa estiver bem fisicamente pode voltar a ganhar o jogo", reforçou. 

"Tenho essa convicção e só lamento a vantagem não ser maior neste momento, pois na Luz a equipa deixou-se adormecer em vez de tentar aumentar a vantagem que já tinha e aí o treinador também não fez as substituições na devida altura para poder refrescar a equipa", recordou o sucedido no encontro com o Moreirense.


"Ganhar uma Liga Europa é algo muito prestigiante e é importante para o Benfica. Acho que isso pode ser possível em função até da maneira como já está o campeonato em que o 2º lugar do Benfica não parece estar em causa e o primeiro está muito longe. Mas todos sabemos que não basta eliminar o Marselha, ainda teremos uma eventual meia-final e uma final para ganhar e isso não será nada fácil", afirmou o antigo dirigente do Benfica.

Na sua opinião, só os títulos contam: "Nós neste momento estamos um pouco como o Porto que vai à final da Taça de Portugal, mas isso não servirá para salvar a época. Mesmo com uma eventual presença na final da Liga Europa, no nosso caso, será igual. Só mesmo vencendo é que poderíamos dizer que a época estaria salva".

Importa recordar que, a turma de Roger Schmidt entra em campo no dia 18 de abril, para defrontar o Marselha, mais uma vez. Os encarnados vão disputar o duelo a valer para a segunda mão dos quartos de final, que vai ser disputado no reduto dos franceses. Recorde-se que as águias estão em vantagem na eliminatória depois de terem vencido por 2-1, no Estádio da Luz. O pontapé de saída está agendado para as 20h00.



Futebol

Schweinsteiger recorda 'pesadelo' vivido com o ex Benfica, José Mourinho: "Queriam ver-se livres..."

Antigo internacional alemão concedeu uma entrevista onde relembrou altura em que foi orientado pelo 'Special One'

Bastian Schweinsteiger recordou polémica com ex-Benfica, José Mourinho
Bastian Schweinsteiger recordou polémica com ex-Benfica, José Mourinho

  |

Icon Comentário0

Bastian Schweinsteiger foi orientado por José Mourinho no Manchester United, no entanto, o antigo internacional alemão não conta com bons memórias face ao ex-treinador do Benfica. Numa entrevista recente ao podcast 'The Overlap', o antigo jogador relembrou a temporada 2016/17, onde foi 'descartado' pelo timoneiro português. 

"Treinei com o Ibrahimovic no primeiro dia e pensei que bom era ter um jogador incrível ao lado com quem posso jogar. Depois, no dia a seguir, quando cheguei ao centro de treinos, o John Murtough [diretor de futebol] estava lá e disse-me que não estava autorizado a entrar no balneário. Eu perguntei o porquê e ele disse-me que Mourinho o tinha dito", começou por dizer.


"Se me avisaram? Nada... Fui para outro balneário e equipei-me lá. Depois perguntei-lhe com quem treinava e ele respondeu 'temos os sub-16...'. E treinei com os sub-16...", realçou, ainda, recordando mais pormenores da polémica vivida com o ex-técnico do Benfica.


"Pedi se podia falar com Mourinho à tarde. Treinei tão mal com os sub-16 e até pensei que podia ser uma piada. Depois, tive uma reunião com Mourinho à tarde e ele explicou que não me via feliz no Manchester United, porque quando me lesionei fiz a recuperação com médicos alemães e passei algum tempo no meu país. Foi algo que fiz para melhorar a minha condição física e poder voltar a jogar", apontou.

"Depois disso, treinei sozinho durante três meses. O Mourinho nunca me deixou treinar com a equipa principal. Acho que se queriam ver livres de mim. Mas eu adorava estar no Man. United, adorava vestir a camisola. Os jogadores diziam-me que não compreendiam aquela decisão do Mourinho. Fiquei muito triste, dei tudo pelo clube, mas sabia que era também uma decisão da direção, não só de Mourinho", completou o antigo internacional alemão que passou por emblemas como o Bayern de Munique. 


É importante relembrar que, recentemente, José Mourinho foi apontado ao lugar ocupado por Roger Schmidt no Benfica. Os rumores levaram os vermelhos e brancos lançar um comunicado a esclarecer a situação e a 'defender' o técnico dos encarnados (saiba mais AQUI)


Futebol

Após conquistar Liga dos Campeões pelo Chelsea, David Luiz 'descarta' ingleses pelo Benfica

Defesa central, que passou bons momentos na Luz, concedeu uma entrevista onde falou sobre os encarnados

David Luiz colocou o Benfica acima do Chelsea em nova entrevista
David Luiz colocou o Benfica acima do Chelsea em nova entrevista

  |

Icon Comentário0

David Luiz, antigo defesa central do Benfica, concedeu uma entrevista ao jornal espanhol AS, na qual fala da sua passagem no futebol português, a sua amizade com Ángel Di María e como o Benfica o marcou. Em destaque fica o momento em que o entrevistador lhe pede que fale do Chelsea, mas a o primeiro clube que lhe sai da boca é o emblema da Luz.

A entrevista começou meio em tom de brincadeira: "Tínhamos combinado às 14:30? Bem, são 14:29, aprendi isso em Londres" começou o brasileiro que passou por Londres duas vezes, pelo Chelsea e Arsenal, pelo Benfica em Portugal e ainda pelo PSG em França.

O entrevistador questionou-o sobre se um jogador brasileiro se adapta melhor ao futebol português que os outros por causa do idioma, David Luiz não negou: "Acho que sim, facilita um pouco o caminho. Com Portugal falamos a mesma língua e eles têm muitas coisas sobre o Brasil, a comida ou o clima, que é um dos melhores da Europa. Então não mudam muitas coisas e o processo de adaptação dos jogadores brasileiros ou sul-americanos que jogaram na Europa e passaram primeiro por Portugal tem sido melhor para todos".


O entrevistador perguntou-lhe se o Chelsea era a equipa que mais o marcou na Europa mas o central negou: "Acho que tive marcas em todos eles. O Benfica marcou-me no início, no início de todas as coisas, desde as coisas mais simples, como vestir fato e gravata, como jogar os primeiros jogos. Minha primeira partida na Europa foi na Copa UEFA, que hoje é Liga Europa, contra o PSG, em Paris", afirmou.


"Veja como estão as coisas. Teve um grande impacto lá e, mais tarde, o Chelsea foi o time com quem passei mais anos e ganhei a Liga dos Campeões, foi onde joguei mais jogos. Paris também me marcou muito, porque foi um momento especial para o time, mudando depois de anos onde o Lyon foi a principal força na França, e lá ganhei todos os campeonatos que disputei no país, só perdi duas Ligas dos Campeões", acrescentou, ainda. 

A sua amizade notória com o atual craque do Benfica, Di María, chegou a gerar piadas na TV: "Sim, sim. Houve um programa de televisão em Portugal, uma vez, onde fizemos uma piada com o ‘Dima’. Ele tem sido um grande companheiro de equipa, um grande jogador. Estou muito feliz por ele e por tudo que ele viveu", começou por relembrar.


"Lembro que chegamos depois do mundial sub-20 [em 2007], eu já estava lá, ele chegou depois e, aí, estávamos sempre juntos, a jogar com os amigos, conheci a família. Uma família muito humilde e de um grande coração. Depois, tudo o que Di María fez no futebol mundial deixa-me muito feliz por ele", completou o antigo jogador do Benfica.

David Luiz - avaliado em 400 mil euros - cumpriu cinco temporadas com a camisola do Clube da Luz, sendo que a primeira aconteceu por via de empréstimo do clube brasileiro, Vitória. No total, alinhou em 131 partidas, em que marcou seis golos e realizou sete assistências.


envelope SUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Após conquistar Liga dos Campeões pelo Chelsea, David Luiz 'descarta' ingleses pelo Benfica
Futebol

Após conquistar Liga dos Campeões pelo Chelsea, David Luiz 'descarta' ingleses pelo Benfica

 

Icon Comentário0
Rui Costa 'abana milhões' a Georgiy Sudakov, mas alvo do Benfica pode rumar à Premier League
Futebol

Rui Costa 'abana milhões' a Georgiy Sudakov, mas alvo do Benfica pode rumar à Premier League

 

Icon Comentário0
Depois de bis ao Benfica, Galeno tem falhanço épico e sai a chorar de campo no Porto-Guimarães (Com Vídeo)
Futebol

Depois de bis ao Benfica, Galeno tem falhanço épico e sai a chorar de campo no Porto-Guimarães (Com Vídeo)

 

Icon Comentário0