Corner Left

Receba as principais notícias do Glorioso 1904 no seu WhatsApp!

WhatsApp Seguir

Futebol

EXCLUSIVO GLORIOSO 1904 - NOVAS ESTRELAS EM ASCENSÃO REFORÇAM IMPORTÂNCIA DA FORMAÇÃO; BENFICA DE SCHMIDT COM FUTURO RISONHO

Seixal volta a fornecer talento digno de distinção internacional

SCHMIDT EQUIPA
SCHMIDT EQUIPA

  |

Icon Comentário0

Pedro Brinca, conhecido adepto do Benfica, em declarações ao Glorioso 1904 não hesita em indicar qual foi a grande revelação do ano. “António Silva não se afirmou num contexto em que havia falta de defesas centrais de nível no Clube. Otamendi, Lucas Veríssimo, Morato, João Victor são todos jogadores que têm qualidade para serem titulares e mesmo assim António Silva afirmou-se como titular indiscutível”, começou por dizer.

“Mas o António não o fez numa época que tenha corrido mal, em que o Benfica tivesse sido afastado precocemente da luta pela vitória nas diferentes competições. Fê-lo numa época de sucesso em muitos jogos com as melhores equipas da Champions. Chega à seleção e tudo isto com 18 anos. Difícil imaginar algo mais meteórico”, referiu. 



A grande muralha portuguesa


Rúben Dias é sem dúvida uma das grandes referências da formação do Clube nos últimos anos e, particularmente, na posição de defesa central. António Silva herdou a camisola 66 do agora internacional português e tem sido uma boa surpresa neste início da era Roger Schmidt. Foi um dos indiscutíveis na caminhada dos encarnados até à conquista da UEFA Youth League, formando a dupla de centrais com Tomás Araújo.

Formado no Seixal, o atleta estreou-se no onze inicial na quarta jornada da competição, a 27 de agosto, quando as águias visitaram o Estádio do Bessa. Em dezembro, com apenas 19 anos, foi convocado e disputou o Mundial pela Seleção de Portugal, no Qatar, coroando depois a época com o 38.º título da história das águias.

Com vários tubarões europeus à espreita, Pedro Brinca considera que o jogador e o Clube beneficiariam bastante ao manter o vínculo por mais um ano: “Se conseguir segurar mais uma época, poderia trazer dividendos desportivos sem comprometer os lucros financeiros no futuro, uma vez que é incrível que António Silva esteja ainda longe do seu pico de capacidades”.

Não obstante, caso o jovem prodígio mude de clube, o comentador tem total confiança nos restantes elementos da muralha encarnada: “Se sair, creio existirem opções dentro do plantel que dão garantias. A integração de Tomás Araújo no grupo, com a promoção de Morato ou Lucas Veríssimo a titular (se bem que existem dúvidas relativamente a este último no que diz respeito à sua capacidade física) e ainda com João Victor, dão segurança e não seria por aí que a equipa teria problemas”.

Além de tudo isto, o central luso possui excelentes condições físicas para a posição, nomeadamente pela velocidade e impulsão no jogo aéreo, e destaca-se pela leitura que faz dos lances, estando bem posicionado e sempre alerta. Embora ainda em tenra idade, revela uma maturidade e perceção de jogo acima da média, pela forma como se ajusta ao posicionamento da bola, colegas e adversários, chegando muitas das vezes primeiro aos espaços por antecipar a intenção dos adversários.

No momento de construção de jogo, é inteligente na forma como identifica os jogadores melhor posicionados para dar sequência à manobra ofensiva e maduro na forma como gere o risco nos passes interiores. Demonstra ainda um nível de acerto elevado e muita fiabilidade, quer em ações defensivas (jogo aéreo, desarme, antecipação), quer em ações ofensivas, cometendo muito poucos erros.

Natural de Penalva do Castelo, António Silva – avaliado em 45 milhões de euros – disputou 30 partidas na competição, sendo titular em 28 e  totalizando 2.924 minutos na primeira divisão do futebol português. Ao longo da temporada, fez 184 recuperações de bola e marcou três golos.

A nova pérola do meio-campo

João Neves (2004) ainda tem idade de júnior – 18 anos – mas já coleciona feitos desde que se estabeleceu na equipa principal. Desde os iniciados que está no Seixal e foi uma das figuras do plantel vencedor da Youth League. Apesar de não ser o jogador que mais deu nas vistas, é dos que possui mais potencial para num futuro próximo ser opção constante no onze titular de Roger Schmidt.

O jovem médio é muito completo e a baixa estatura que o caracteriza (1,74m) não faz jus ao que consegue fazer com e sem bola. Defensivamente é um jogador irrequieto, agressivo, intenso, com um largo raio de ação e forte poder de choque. Ofensivamente ganha vantagem principalmente pela visão de jogo que lhe permite estar sempre à frente dos demais.

A isso alia uma facilidade tremenda de segurar a bola, de fazer o jogo fluir ou pausar, dependendo do que a equipa está a precisar e muita facilidade em associar-se com os colegas em qualquer zona do campo, sentindo-se bastante confortável sobre pressão. É num meio campo a três que se sente mais confortável, mas no modelo atual de Roger Schmidt revelou-se uma grande alternativa para o que é pedido a João Mário e a Aursnes, assim como revela Pedro Brinca.

“No passe vertical a longa distância, nenhum outro jogador do meio campo do Benfica o faz tão bem”, afirmou o comentador. 

Acelerar ou pausar o jogo, ajustar e recuperar nas transições, manter a fluidez na posse de bola, combinar com os laterais e avançado no corredor lateral e executar com qualidade o maior número de vezes possível. Encaixa perfeitamente nestas ideias e num futuro próximo tem tudo para ser mesmo um indiscutível das águias.

“Kokçu é também excelente no passe vertical a longa distância. e deverá assumir a titularidade com Aursnes quando jogarmos com Florentino, mas se a opção passar por não jogar com um médio de cariz essencialmente defensivo, João Neves poderá manter a titularidade. Acredito que, para boa parte dos jogos, a agressividade de Aursnes, Neves e Kokçu seja suficiente”, afirmou Pedro Brinca.

Esta temporada, João Neves – avaliado em 10 milhões de euros – conta com um golo e uma assistência, em 20 partidas, pela equipa principal do Benfica. De recordar que o jovem marcou o seu primeiro golo pela equipa principal e logo para empatar um dérbi frente ao Sporting, aos 90+4 minutos.

Geração de ouro

A temporada de sonho dos miúdos encarnados valeu-lhes destaque especial por parte do prestigiado diário Tuttosport, que divulgou, esta terça-feira, a lista dos 100 jogadores que estão na corrida ao prémio Golden Boy de 2023.

Na edição deste, o central português ocupa o quarto lugar da lista, enquanto João Neves está na 62.º posição. No primeiro lugar da lista está Musiala, médio ofensivo alemão do Bayern Munique, que é perseguido por Jude Bellingham, que se transferiu para o Real Madrid, e Gavi, do Barcelona.

Para o comentador do Glorioso 1904, este é um sinal de que o Clube da Luz deverá continuar a apostar de forma contínua no Seixal: “Se for tão forte como nesta época - dois jogadores da cantera a assumirem a titularidade no 11 - eu diria que já seria excepcional”.


Futebol

Gianluca Prestianni ganha espaço no Benfica! Jovem tem direito a mais tempo de jogo

Extremo argentino tem somado minutos às ordens de Nélson Veríssimo

Gianluca Prestianni
Gianluca Prestianni

  |

Icon Comentário0

Apesar de estar a treinar junto da equipa principal, Gianluca Prestianni tem vindo a ganhar minutos de jogo no Benfica B, com Nélson Veríssimo. No conjunto secundário das águias, o atleta vai ganhando experiência e ritmo de jogo em Portugal, antes de se estrear com Roger Schmidt.

No passado sábado, dia 13 de abril, o jovem albiceleste realizou 75 minutos diante do AVES SAD, num encontro que as águias perderam por 3-1. Esta foi a quarta partida na equipa secundária do Clube da Luz, tendo sido o jogo onde somou mais minutos.


Antes de sair para a entrada de João Rêgo, o jovem, de 18 anos de idade, foi a figura em maior evidência no conjunto encarnado, primando pela sua capacidade de desequilíbrio e qualidade técnica. Contudo, não foi suficiente para uma vitória do Benfica no Seixal.


De recordar que, tal como deu conta o nosso Jornal, em tempo oportuno, o Benfica pagou cerca de 9 milhões de euros por Gianluca Prestianni ao Vélez Sarsfield, que pode ascender aos 11 milhões mediante bónus. O jovem assinou um contrato válido até 2029 e ficou com uma cláusula de rescisão de 100 milhões de euros.

Gianluca Prestianni - avaliado em 10 milhões de euros, pelo portal Transfermarkt - esteve em destaque no panorama sul-americano, onde, na última temporada, marcou presença em 33 encontros, tendo somado três golos, sem conseguir contabilizar qualquer assistência. No Benfica, já foi aposta em quatro jogos, todos na equipa secundária das águias, marcando um golo.




Futebol

Cada vez mais minutos! Atleta do Benfica ganha oportunidades para brilhar de águia ao peito

Jogador tem vindo a ser aposta do técnico, retomando o melhor ritmo físico

Águia
Águia

  |

Icon Comentário0

O jovem extremo argentino do Benfica, Gianluca Prestianni, tem vindo a ganhar cada vez mais minutos na equipa B das águias, às ordens de Nélson Veríssimo. Todavia, o ex Vélez Sarsfield continua a treinar com a equipa principal, habituando-se já às dinâmicas do plantel de Roger Schmidt.

No passado sábado, dia 13 de abril, o jovem albiceleste realizou 75 minutos diante do AVES SAD, num encontro que as águias perderam por 3-1. Esta foi a quarta partida na equipa secundária do Clube da Luz, tendo sido o jogo onde somou mais minutos.


Antes de sair para a entrada de João Rêgo, o jovem, de 18 anos de idade, foi a figura em maior evidência no conjunto encarnado, primando pela sua capacidade de desequilíbrio e qualidade técnica. Contudo, não foi suficiente para uma vitória do Benfica no Seixal.


De recordar que, tal como deu conta o nosso Jornal, em tempo oportuno, o Benfica pagou cerca de 9 milhões de euros por Gianluca Prestianni ao Vélez Sarsfield, que pode ascender aos 11 milhões mediante bónus. O jovem assinou um contrato válido até 2029 e ficou com uma cláusula de rescisão de 100 milhões de euros.

Gianluca Prestianni - avaliado em 10 milhões de euros, pelo portal Transfermarkt - esteve em destaque no panorama sul-americano, onde, na última temporada, marcou presença em 33 encontros, tendo somado três golos, sem conseguir contabilizar qualquer assistência. No Benfica, já foi aposta em quatro jogos, todos na equipa secundária das águias, marcando um golo.



Futebol

Benfica mantém a invencibilidade e aproxima-se a passos largos do título de Campeão Nacional

Águias têm estado a realizar uma grande época, mostrando-o novamente

Adeptos
Adeptos

  |

Icon Comentário0

A equipa de hóquei em patins feminino do Benfica venceu o CA Feira, por 5-1, este domingo, dia 14 de abril, num encontro válido para a 9.ª jornada do Grupo 1 do Campeonato Nacional Feminino Hóquei. Elena Tamiozzo (32', 36', 48', 49') e Marlene Sousa.

Os primeiros 25 minutos do encontro terminaram sem quaisquer golos, numa primeira metade onde o Benfica dominou claramente o encontro. Todavia, inaugurar o marcador estava a provar-se uma tarefa árdua para o Clube da Luz, mesmo com todas as oportunidades que criaram.


Foi preciso esperar até à segunda metade do partida para vermos o primeiro tento, que surge por Elena Tamiozzo. Depois de provar o sabor do golo, a italiana assinou um poker e fechou quaisquer dúvidas, sendo que Marlene Sousa também apontou um golo para a conta própria. 

Depois deste resultado, o Benfica (28 pontos) continua como líder isolado da tabela classificativa, à frente do HC Turquel (25pontos) e do Escola Livre (17 pontos). O CA Feira (14 pontos), por sua vez, está no quarto lugar, a última posição que dá acesso ao playoff de campeão.


A equipa treinada por Paulo Almeida volta a entrar em campo no próximo dia 28 de abril, no domingo, para defrontar o AD Sanjoanense na 10.ª jornada do grupo 1 do Campeonato Nacional Feminino Hóquei. O duelo terá como palco o Pavilhão dos Desportos AD Sanjoanense e tem arranque marcado para as 18h00.

Confira aqui a publicação:






envelope SUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Paulo Bernardo volta a vencer com o Celtic e ex Benfica aproxima-se do título
Futebol

Paulo Bernardo volta a vencer com o Celtic e ex Benfica aproxima-se do título

 

Icon Comentário0
Ex Benfica: Darwin tinha tudo para celebrar o campeonato mas Liverpool comete erro crasso
Futebol

Ex Benfica: Darwin tinha tudo para celebrar o campeonato mas Liverpool comete erro crasso

 

Icon Comentário0
Benfica mantém a invencibilidade e aproxima-se a passos largos do título de Campeão Nacional
Futebol

Benfica mantém a invencibilidade e aproxima-se a passos largos do título de Campeão Nacional

 

Icon Comentário0