Corner Left

Receba as principais notícias do Glorioso 1904 no seu WhatsApp!

WhatsApp Seguir

Clube

JESSICA ATHAYDE FAZ REVELAÇÕES SOBRE ALTURA COMPLICADA DA VIDA: “ESTAVA INFELIZ, SEPARADA E SOZINHA”

Conhecida adepta do Benfica relembrou momento difícil

Jéssica atayde
Jéssica atayde

  |

Icon Comentário0

Jessica Athayde, conhecida Benfiquista, publicou, este sábado, dia 25 de março, uma fotografia na sua página de Instagram, com um texto em tom de desabafo, relembrando um momento mais difícil da sua vida. “Apareceu-me esta memória no telefone hoje. Estava infeliz, separada, sozinha”, começou por escrever na fotografia onde aparece em frente ao espelho. “Odiava o meu chão escuro, não dormia, não tinha quase cabelo, estava magra demais, estávamos na pandemia, desinfetava as compras do supermercado e ficavam de quarentena na mesa lá de fora, passava a vida a limpar tudo com medo que o Oli pudesse apanhar o bicho”, relatou a adepta do Glorioso. A mensagem termina com a Benfiquista a questionar-se. “Porra, a vida está mesmo boa agora. Things do get better [as coisas realmente melhoram]. Ia dormir mais um bocado mas vou aproveitar o dia. Mais alguém se revê?"

  • Confira aqui a publicação:



Clube

Um exemplo! Formação do Benfica é comparada a Harvard por dirigente: "São como a universidade..."

Seixal ganha cada vez mais força e casos de sucesso para a reforçar

Benfica Campus é comparado a Harvard
Benfica Campus é comparado a Harvard

  |

Icon Comentário0

O diretor executivo do Benfica para a expansão internacional, Bernardo Faria de Carvalho, concedeu uma entrevista à plataforma de negócios 2PlayBook, na passada terça-feira, dia 16 de julho, onde o sucesso do Benfica Campus foi assunto principal, comparando o Seixal à Universidade de Harvard.


"Somos um país pequeno, porque somos 11 milhões de pessoas a viver em Portugal e só temos 220 mil crianças federadas no futebol de competição, um número que estabilizou e não está a crescer. A mina de ouro está a ficar mais pequena e com uma concorrência interna cada vez maior. Entretanto, sabem quantas crianças federadas jogam futebol nos Estados Unidos? 25 milhões. Por isso entendemos que o próximo passo era internacionalizar isto e como é que o fazemos? Através de um programa comercial, claro, mas sobretudo um programa real. Quando me apresento, faço-o com treinadores reais e um parceiro local", começou sobre a importância da internacionalização de marca para o Benfica.



O dirigente continua sobre a forma de identificar novas academias: "Percebemos que há talento em quase todo o lado, por isso é uma mistura entre o lado desportivo e o lado comercial. É apenas uma questão de tempo até sabermos quando é que os melhores talentos começam a ser pagos num país. No Brasil, abrimos o primeiro centro há três anos e agora vamos abrir o segundo. Na Costa do Marfim vamos encarregar-nos do desenvolvimento de todas as suas camadas jovens, temos uma parceria nos Estados Unidos com o Dallas FC... Quando vamos a um lado, eles sabem que somos nós que mandamos, porque a academia para nós é como a universidade que nos prepara antes de sairmos para o mercado de trabalho. Somos a Harvard do futebol".


"Há talento em todo o lado e o futebol não para de crescer, mas, mais do que os números, o que é importante para nós é criar a infraestrutura com as associações certas em todo o mundo. A América do Sul, a América do Norte, o Médio Oriente e a Ásia são os principais mercados onde gostaríamos de ter academias, mas não nos podemos esquecer que quanto mais longe formos, mais complicada é a operação. E a tecnologia tem-nos ajudado e hoje qualquer sessão de treino que ocorra no Brasil pode ser vista em direto a partir do nosso campus em Lisboa, por isso não precisamos de esperar por um telefonema a dizer ‘Uau, temos aqui um miúdo fantástico e vamos enviar-lhe um vídeo agora mesmo'", acrescenta Faria de Carvalho.

O diretor executivo do Benfica termina olhando às oportunidades nos Estados Unidos da América: "É um mercado que tem duas coisas ótimas e onde queremos criar um verdadeiro caminho. Tem um grande potencial de crescimento e existem grandes oportunidades comerciais, porque existem fortunas importantes entre os investidores da MLS. Penso que um dia veremos a MLS a competir da melhor forma para contratar o futuro Cristiano ou Messi. Sei que isso é correto e falo com as pessoas da MLS".


Clube

RAP compara-se a Rui Costa e não é pelas melhores razões: Presidente do Benfica com as orelhas a arder

Conhecido adepto do Glorioso falou no lançamento do seu novo livro, no passado domingo

RAP, conhecido adepto do Benfica, falou no lançamento do seu novo livro, no passado domingo, comparando-se a Rui Costa
RAP, conhecido adepto do Benfica, falou no lançamento do seu novo livro, no passado domingo, comparando-se a Rui Costa

  |

Icon Comentário0

Ricardo Araújo Pereira, conhecido adepto do Benfica, que apresenta o programa da SIC 'Isto É Gozar Com Quem Trabalha', no lançamento do seu novo livro, segundo volume de "Coisa que não edifica nem destrói", acabou por se comprar a... Rui Costa. O Benfiquista, em declarações ao Observador, recordou o caso de Luís Filipe Vieira, destacando a posição do Presidente do Glorioso que "não sabe nada". 


"Às tantas diz que “a estratégia humorística baseia-se na ideia de que pensar nas coisas da maneira certa é quase sempre insuportável”. E que, portanto, o humorista tenta dar a volta a isso. Mas será que existe um Ricardo na vida real um pouco diferente, que é sempre sério, cumpre todas as regras e preocupa-se a toda hora com todos os seus deveres e responsabilidade?", foi questionado o Benfiquista. 


"Isso faz-me lembrar quando vou à loja do cidadão, porque preciso de fazer uma coisa qualquer, e as pessoas olham para mim, os funcionários mas também as outras pessoas que estão à espera. Metem-se comigo sobre o facto de estarmos ali naquela situação, o funcionário pergunta se eu estou a gozar ou se é mesmo uma coisa de que eu preciso", referiu Ricardo Araújo Pereira


"E não tenho nada contra isso. Sou um ser humano relativamente funcional, é possível confiar em mim até certo ponto. Por outro lado, não lhe escondo que em minha casa não faço nada do que é importante", disse de seguida o Benfiquista.

"Sabe aquela situação que o Benfica viveu em que o Luís Filipe Vieira pode ou não ter feito lá umas coisas do ponto de vista financeiro? Eu sou o Rui Costa em minha casa. Eu não sei de nada. Ora isso não me qualifica para desempenhar cargos de responsabilidade", concluiu o adepto do Benfica, comparando-se assim ao Presidente do Glorioso. 



Famosos & Lifestyle

JESSICA ATHAYDE NÃO SE QUER VESTIR DE NOIVA! ADEPTA DO BENFICA EXPLICA PEDIDO DE CASAMENTO A DIOGO AMARAL

Palavras da atriz foram pronunciadas nas suas redes sociais, em contacto com os seguidores

Jessica Athayde e Diogo Amaral
Jessica Athayde e Diogo Amaral

  |

Icon Comentário0

A parceira de Diogo Amaral, Jessica Athayde, pediu o conhecido adepto do Benfica em casamento nas últimas férias do casal, que foram passadas na Maldivas. Esta segunda-feira, dia 4 de março, através do seu Instagram, a atriz esteve à conversa com seguidores e explicou como foi o pedido, além de se mostrar muito ansiosa para o casamento.


"Estive de férias nas Maldivas e voltei noiva. Durante estas minhas férias tive de tirar o curso de sereia porque não me emprestavam só a cauda. Queria fazer o pedido mais ridículo que conseguisse ao Diogo então tive de tirar o curso de sereia", começou por afirmar a Benfiquista.


Jessica Athayde olha ainda com um olhar cómico para toda a situação, sendo que fez o pedido com um fato de sereia: "Agora sou certificada para poder fazer animação em festas de criança, só não estou certificada para nadar no mar. Só posso ser uma sereia [risos] dentro de piscinas".


"Tirando isso, começou a cena toda de que vou casar. É o caos. Vou ter de organizar isto tudo e temos estado aqui a pensar 'por onde é que se começa?'. Fizemos uma lista, há muita gente que vai ficar chateada e triste porque queremos um casamento pequeno", acrescentou a parceira de Diogo Amaral.

A intervenção de Jessica Athayde termina com a mesma a afirmar que não se quer vestir noiva, apesar de desejar uma boa cerimónia: "Eu não me quero vestir de noiva, não me imagino vestida de noiva, mas quero uma coisa muito bonita e uma cerimónia espetacular".




envelope SUBSCREVER NEWSLETTER


Está em fila de espera? Há novas atualizações sobre o Red Pass do Benfica
Clube

Está em fila de espera? Há novas atualizações sobre o Red Pass do Benfica

 

Icon Comentário0
Atenção, Rui Costa! Noronha Lopes é 'incentivado' a avançar nas eleições do Benfica
Clube

Atenção, Rui Costa! Noronha Lopes é 'incentivado' a avançar nas eleições do Benfica

 

Icon Comentário0
Adeptos fazem a diferença: Benfica conquista cinco prémios na Liga Portugal!
Clube

Adeptos fazem a diferença: Benfica conquista cinco prémios na Liga Portugal!

 

Icon Comentário0