Corner Left

Receba as principais notícias do Glorioso 1904 no seu WhatsApp!

WhatsApp Seguir

Clube

MOSTRA-ME O DINHEIRO! – BENFICA NÃO CAI NO CANTO DE SEREIA DE PEDRO PROENÇA

Sem garantias de receita, não há acordo para centralização dos direitos televisivos. Exclusivo Glorioso 1904

Glorioso 1904
Glorioso 1904

  |

Icon Comentário0

“Show me the money!”, “Louder!”, “Show me the money!”. Cuba Gooding Jr. fala, grita e dança. Do outro lado da linha está Tom Cruise, a fazer de agente desportivo, desesperado para manter a representação do seu último atleta.

Fomos ao filme e voltámos à Liga portuguesa. Pedro Proença pressiona, exaspera e também desespera com a centralização dos direitos televisivos, mas, segundo apurou o Glorioso 1904, o Benfica nem ata nem desata, enquanto não puder dar ponto com nó. A Direção encarnada quer que Proença se deixe de conversas e mostre o dinheiro, onde está o dinheiro, aquele aumento de receita mirífico que a centralização dá e que cabe na projeção do Excel da Liga, mas não se vê sinais dela para lá do quadriculado da folha de cálculo.


A questão que se coloca é: Como é que o bolo (que é de 180 milhões de euros, segundo relatório da EY para a época de 2021-2022) se for melhor dividido, garante que todos ‘comem’ ou mais ou pelo menos o mesmo (no caso dos três grandes)?


Matematicamente impossível. Exceto, se o tamanho do bolo aumentar, claro.

E como é que ele aumenta se os três grandes viram as suas receitas de direitos televisivos crescerem em mais de 100% nos seus últimos contratos? E, pelo que se sabe, as operadoras não querem voltar a investir nada próximo desses valores no futuro próximo. Para se ter uma ideia, para Benfica, Porto e Sporting ficarem parecidos com o que têm hoje, e usando a nova fórmula que está prevista para dividir o jackpot (50% de distribuição equitativa, 25% por performance e 25% pelo impacto social de cada clube), o valor do bolo teria de ser superior a 300 milhões de euros, a cada ano.


Como se passa de 180 milhões, já de si difíceis de segurar, para mais de 300 milhões? Pedro Proença explica.

Esta semana, depois do sucesso que foi o Thinking Football Summit, no Porto, o Presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional respondeu assim à Eleven:

"A centralização dos direitos audiovisuais, que acontecerá daqui a um curto espaço de tempo, será um passo muitíssimo importante para cuidar daquilo que é o nosso produto. Muitas vezes fala-se na riqueza que se pode criar trabalhando de maneira centralizada, mas muito mais importante do que isso é a forma como cuidamos do nosso produto e patrocinamos os nossos verdadeiros valores. Os valores estão na qualidade do nosso talento. O jovem jogador português e no treinador que tem capacidade de fazer com tão pouco aquilo que nós fazemos".

Esclarecidos?

Até hoje não é conhecido qualquer plano que sustente esta ideia vaga explanada nesta declaração. Daí que o Benfica aguarde e diga: “Mostra-me o dinheiro!”.

Saímos de Hollywood, mas Hollywood não sai de nós.

https://www.youtube.com/watch?v=FFrag8ll85w

Fotografia de Liga Portuguesa de Futebol Profissional


Clube

De 35 para 50 milhões de euros! SAD do Benfica eleva montante da emissão de dívida

Clube da Luz comunicou decisão à CMVM, na quarta-feira, dia 17 de abril

Emissão de divida aumenta para os 50 milhões de euros
Emissão de divida aumenta para os 50 milhões de euros

  |

Icon Comentário0

A Sociedade Anónima Desportiva (SAD) do Benfica decidiu aumentar o valor da emissão da divida dos 35 milhões de euros para os 50 milhões, na passada quarta-feira, dia 17 de abril, o último dia permitido para o aumento da mesma.

As águias divulgaram a sua decisão à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), através de um comunicado oficial. A agência governamental rapidamente divulgou a decisão encarnada, destacando que o Glorioso realizou a sua decisão no limite do tempo.


Posto isto, a SAD do Benfica emite 10 milhões de obrigações, sendo que cada uma custa cinco euros. A CMVM revelou que o mínimo adquirível é de 50 títulos, que representa 2.500 euros. O juro aumenta então para os 5,1%, ganhando uma maturidade de emissão de três anos.


Além da oferta de subscrição, a operação vai contar uma oferta de troca, onde será possível substituir as obrigações que foram emitidas em 2021 e que tinham como prazo final 28 de julho de 2024. Estas obrigações em questão ficam com data de reembolso 23 de abril de 2027.

A SAD do Benfica afirma ainda que a operação vai reverter num elevado encaixe económico, avaliado em 48.382.770 milhões de euros. Todavia, será necessário esperar cerca de três anos para avaliar os resultados da nova emissão de divida.




Clube

Após proibição polémica, Movimento Servir o Benfica exige explicações: "Afronta aos valores..."

Comunicado foi emitido esta quarta-feira, dia 17de abril, através dos meios de comunicação

Movimento Servir o Benfica exige explicações
Movimento Servir o Benfica exige explicações

  |

Icon Comentário0

O Movimento Servir o Benfica voltou a pronunciar-se, esta quarta-feira, através de u comunicado oficial, expondo que dois associados do clube foram impedidos de marcar presença na  iniciativa organizada pelos encarnados para comemorar os 50 anos do 25 de abril, onde foi apresentado o livro 'A Cartilha da Benficofobia'. 

De acordo com o grupo de associados, o autor do livro, João Malheiro, terá convidado os dois adeptos acima mencionados, que acabaram por não conseguir marcar presença no evento público, que decorreu no Museu Cosme Damião. 


"No dia 16 de Abril, na tertúlia "Benfica Sempre pela Liberdade", iniciativa organizada pelo Clube para comemorar os 50 anos do 25 de Abril, foi apresentado o livro 'A Cartilha da Benficofobia’, escrito pelo consócio João Malheiro, sendo o prefácio da sua autoria", começou por referir . 


"De acordo com informação pública, dois associados, convidados pelo autor do livro para estar presentes nesta tertúlia, não foram autorizados a fazê-lo pelos serviços do Sport Lisboa e Benfica, o que não só é uma afronta aos valores do pluralismo que reconhecidamente marcaram a história gloriosa do Sport Lisboa e Benfica, como uma grave contradição ao espírito da própria iniciativa", completou o Movimento, que deixou em seguida algumas questões. 

"Na qualidade de sócios do Sport Lisboa e Benfica, foi com perplexidade, consternação e indignação que tomámos conhecimento deste facto. Assim, solicitamos a V. Exa. um esclarecimento urgente sobre os seguintes pontos: 1) Qual o motivo para o impedimento da presença destes associados? 2) Quem foi o responsável por esta decisão que conspurca a história de pluralismo do clube? A Direção? A Mesa da Assembleia Geral? O Conselho Fiscal? O Departamento de sócios? O Gabinete da Presidência? Um outro funcionário do clube?", questionou o Movimento Servir o Benfica


"A conquista da liberdade em Portugal foi feita há 50 anos, mas essa liberdade já existia no Sport Lisboa e Benfica desde a sua fundação, pelo que é inaceitável qualquer recuo ou tentativa de limitação dos direitos dos sócios por parte de qualquer Órgão Social ou funcionário do Sport Lisboa e Benfica", referiu. 

"As últimas duas décadas já foram suficientemente vergonhosas no que à democracia no Clube diz respeito e não podemos permitir um novo retrocesso. Solicitamos rápidos e urgentes esclarecimentos de V.Exa. e, confirmando se a veracidade dos factos, o afastamento imediato do responsável ou responsáveis por esta decisão. Quem não conhece a história do Clube não é digno de o representar, seja na qualidade de dirigente, atleta ou funcionário. Viva o Sport Lisboa e Benfica", concluiu o Movimento Servir o Benfica. 


Futebol

Tiro sai pela culatra! Benfica tenta união, mas adeptos terminam com polémica e ódio

Benfiquistas não estavam de bom humor e o resultado da tentativa foi negativo

Publicação oficial do Benfica gera polémica
Publicação oficial do Benfica gera polémica

  |

Icon Comentário0

Depois da eliminação do Benfica nos quartos de final da Liga Europa às mãos do Marselha, a equipa de redes sociais do Benfica deixou no Instagram oficial do clube uma publicação que gerou alguma polémica. O objetivo era agradecer aos adeptos mas o tiro acabou mesmo por sair pela culatra.

Com a ideia de exaltar e agradecer o apoio dos adeptos que estiveram presentes nas bancadas do Vélodrome para apoiar a equipa, o Benfica publicou no Instagram uma fotografia dos referidos adeptos encarnados, no entanto, devido ao infeliz resultado do jogo, esta acabou por se tornar um espaço para os adeptos criticarem a equipa.

A foto com a legenda "seja onde for" (em formato hashtag) foi ironizada nos comentários: "a perder sempre #sejaondefor" disse um adepto. A negatividade foi mais regra que exceção: "Paguem a viagem a esta gente toda","deviam ser todos indemnizados pelo Rui Costa", "tivessem a alma da bancada", "estamos cansados de frases motivacionais. Façam alguma coisa!!!", "quando investem dezenas de milhões para ganhar um título a cada 2/3 anos, a piada está feita", "C.Carvalhal, anda por favor","seja onde for é os tomates, façam alguma coisa" ou "volta Vieira estás perdoado", são apenas algumas das frases que podem ser lidas naquela publicação. 

Apenas uma pequena minoria dos adeptos que interagiram com a publicação é que o fizeram da maneira que supostamente devia. "Sempre SL Benfica", "A tua sorte é que te amo e "até morrer" são algumas das poucas mensagens positivas recebidas.


Agora, as atenções do Benfica regressam para o Campeonato Nacional com as águias a terem encontro marcado com o Farense. O duelo da jornada 30 está agendado para segunda-feira, dia 22 de abril, no reduto da formação algarvia, pelas 20h15. Recorde-se que, da última vez que ambas as equipas se encontraram, a turma de Roger Schmidt empatou por um golo. 



envelope SUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Após receção ao Sporting, Conselho de Disciplina faz cofres do Benfica 'tremer' com multa pesada
Clube

Após receção ao Sporting, Conselho de Disciplina faz cofres do Benfica 'tremer' com multa pesada

 

Icon Comentário0
Telmo Correia abandona SAD do Benfica, após assumir novas funções governativas
Clube

Telmo Correia abandona SAD do Benfica, após assumir novas funções governativas

 

Icon Comentário0
Última Hora: Com José Mourinho apontado ao lugar de Roger Schmidt, Benfica reage com comunicado
Clube

Última Hora: Com José Mourinho apontado ao lugar de Roger Schmidt, Benfica reage com comunicado

 

Icon Comentário0