Corner Left

Receba as principais notícias do Glorioso 1904 no seu WhatsApp!

WhatsApp Seguir

Futebol

CRAQUE DO BENFICA BATE RECORDES ATÉ A DORMIR! SAIBA QUAL FOI A MARCA ATINGIDA DESTA VEZ

Com novo registo inédito na carreira, ajudou mais uma vez o Clube da Luz a triunfar

Equipa do Benfica
Equipa do Benfica

  |

Icon Comentário0

Ángel Di María foi a figura do encontro entre Benfica e Toulouse, que aconteceu na Luz na última quinta-feira, dia 15 de fevereiro, tendo apontado os dois golos da vitória dos encarnados. O extremo argentino bateu, pelo caminho, mais um recorde pessoal.

Com três golos da marca dos 11 metros em 2023/2024, o campeão do mundo pela seleção de las pampas alcançou, desta forma, o maior número de pénalties convertidos numa só temporada durante toda a sua longa carreira.


O argentino nunca foi, pois, o marcador oficial das grandes penalidades nas equipas por onde passou, seja ao nível de clubes ou na seleção, sendo que só no regresso às águias, Di María passou a ter esse estatuto, ultrapassando João Mário, numa decisão assumida publicamente por Roger Schmidt.


Vale recordar que o camisola 11 da turma orientada por Roger Schmidt viveu, ainda, um momento tenso com o treinador da equipa francesa, no final do embate. Após o apito final, Carles Martínez dirigiu-se ao extremo albiceleste, tendo, mais tarde, dado a conhecer o teor da conversa polémica (saiba mais AQUI).

Ángel Di María - avaliado em 5 milhões de euros pelo portal Transfermarkt - regressou ao Clube da Luz esta temporada, onde já assumiu 31 duelos, somando 13 golos e sete assistências. Na época passada, ao serviço da Juventus, alinhou em 40 encontros, onde teve a oportunidade de marcar oito tentos e sete ocasiões para assistir.



Futebol

Benfica eliminado nos 11 metros, mas podia ter sido antes com penálti por assinalar ao Marselha

Águias e franceses mediram forças na passada quinta-feira, dia 18 de abril, nos quartos-de-final da Liga Europa

Casos de arbitragem do Marselha-Benfica
Casos de arbitragem do Marselha-Benfica

  |

Icon Comentário0

A eliminação do Benfica às mãos do Marselha deu-se somente no desempate por grandes penalidades. Contudo, as águias poderiam ter ficado mais cedo pelo caminho devido a um penálti não assinalado a Anatoliy Trubin, segundo avança Marco Ferreira, especialista do jornal Record em arbitragem.

Marco Ferreira começa por justificar o primeiro amarelo do encontro, mostrado a António Silva, ao minuto 38: "António Silva prende o braço esquerdo de Aubameyang impedindo-o de prosseguir um ataque incorrendo numa falta tática num comportamento antidesportivo. Livre e amarelo bem exibido".


Ao minuto 45+2' ficou por assinalar um livre ao Benfica, que veria Gigot levar cartão amarelo: "Gigot entra em tacle sobre Rafa, sem tocar na bola, atingindo-o de forma negligente causando algum perigo. Livre direto por assinalar e amarelo por exibir".


"Lance na área do Benfica com Ndiaye a rematar com a bola a bater no corpo de Neres e a ressaltar para o braço sem infração, jogador tem o braço junto ao corpo numa bola inesperada. Boa decisão", afirma sobre o toque do brasileiro dentro da grande área encarnada, aos 47 minutos.

Ao minuto 66, Marco Ferreira afirma que ficou uma grande penalidade para marcar ao Marselha: "Lance na área do Benfica com Trubin a largar a bola e, quando tenta recuperá-la, acaba por derrubar Balerdi, com o ombro na perna, após este desviar a bola do guarda-redes. Penálti por assinalar sem a devida intervenção do VAR".


Já no tempo de prolongamento, aos 105 minutos, Florentino Luís deveria ter visto cartão amarelo: " Florentino chega tarde à bola e atinge por trás as pernas do adversário de forma negligente. Livre bem assinalado e amarelo por exibir".


Futebol

Eliminiou o Benfica e já só pensa na final da Liga Europa: "Não há limites para o sonho"

Águias foram derrotadas no desempate por grandes penalidades, frente ao Marselha

Jean-Louis Gasset acredita na final da Liga Europa
Jean-Louis Gasset acredita na final da Liga Europa

  |

Icon Comentário0

O treinador do Marselha, Jean-Louis Gasset, mostrou-se muito contente com a passagem às meias-finais da Liga Europa e, durante a conferência de imprensa de pós-jogo, apontou à final da competição secundária da UEFA, pois já tinha eliminado o Benfica nesta fase da prova.

"Estou feliz, orgulhoso dos jogadores, da mentalidade e do público. Tentámos começar muito fortes e forçar, mas o adversário tem bom nível técnico, experiência em jogos europeus. Não conseguimos marcar, mas não baixámos os braços, sempre focados no nosso jogo, com segurança ofensiva e à procura do golo. Na segunda parte, corremos riscos e conseguimos marcar", começou por dizer o técnico francês.


Jean-Louis Gasset continua avaliando a possibilidade de chegar à final da Liga Europa: "Sonhamos vencer a Liga a Europa. Não há limites para o sonho, é uma competição que gostamos. Eliminámos o Benfica, um adversário de alto nível".


"Havia um aspeto tático importante. Corrigimos os erros que cometemos em Lisboa. Decidimos fazer pressão alta e ser coesos na defesa. Isso é alto nível tático. A conversa foi vamos fazer história. Contra tudo o que nos tem acontecido, tivemos bastantes problemas e conseguimos entrar na história. Senti que consegui ser eficaz", continua em relação à palestra que deu aos atletas antes do jogo.

"Fizemos uma série de penáltis a preparar este jogo. E os jogadores mostraram que estavam confiantes. Quando designamos os marcadores, é porque sabemos que podem corresponder", termina em relação a Luis Henrique, avançado brasileiro do Marselha, que marcou a grande penalidade decisiva.




Futebol

EM TEMPOS DE CÓLERA, ANTIGO AVANÇADO DO GLORIOSO RELEMBRA: "BENFICA AINDA ESTÁ NA LUTA PELO TÍTULO"

Encarnados já não se encontram em primeiro lugar, mas estão a somente um ponto da liderança

Equipa do Benfica
Equipa do Benfica

  |

Icon Comentário0

Nuno Gomes, antigo avançado do Benfica, esteve presente no ModaLisboa2024, não se abstendo de comentar a situação do emblema encarnado. O ex-internacional português não deixa de acreditar no potencial da equipa de Roger Schmidt que, relembra, ainda se encontra viva em três frentes.

"Acredito que o Benfica tem ainda condições para lutar pelo título e está nas frentes, na Liga Europa pode passar o Rangers, na Taça de Portugal tem a segunda mão para discutir a passagem com o Sporting, no campeonato depende do jogo que o Sporting tem em atraso, mas está na luta", começou por referir, não entrando em 'dramas'.


"Existe muita competitividade este ano. Acima de tudo há muitos bons treinadores, muitos bons jogadores, alguns estão a revelar-se, tirando os grandes outros estão a emergir noutras equipas, é importante para o nosso futebol. Até ao fim vamos ter Liga, sinal de que há um equilíbrio maio", realçou ainda acerca da competição nacional.


Recorde-se que a turma de Roger Schmidt entra em campo este domingo para enfrentar o Estoril, em jogo da 25ª jornada da Liga Portugal Betclic. O encontro tem hora marcada para as 20h30, no Estádio da Luz.

Vale recordar que o Benfica soma 58 pontos e está a um do líder da competição, o Sporting, que regista 59, enquanto os azuis e brancos ocupam o terceiro posto, com 52 pontos, fechando, assim, o pódio que conta com os três 'Grandes'.



envelope SUBSCREVER NEWSLETTER


+ notícias
Confira o golo de Moumbagna que empatou a eliminatória entre Benfica e Marselha
Futebol

Confira o golo de Moumbagna que empatou a eliminatória entre Benfica e Marselha

 

Icon Comentário0
Titular do Benfica sem 'papas na língua' depois da derrota: "Não devemos colocar culpa..."
Futebol

Titular do Benfica sem 'papas na língua' depois da derrota: "Não devemos colocar culpa..."

 

Icon Comentário0
Craque do Benfica aponta para 'azar' na eliminação de turma de Schmidt da Liga Europa
Futebol

Craque do Benfica aponta para 'azar' na eliminação de turma de Schmidt da Liga Europa

 

Icon Comentário0